segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Respostas a Deus

O comentário da nossa querida Marlene Maravilha ao meu último post levou-me a pensar em três homens, curiosamente todos eles referidos no Velho Testamento: Isaías, Jeremias e Jonas.
Em Marcos 16:15 diz “Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda a criatura.”

Estas três personagens do VT responderam à chamada de Deus, para partilharem a Sua mensagem, de diferentes maneiras. O profeta Isaías respondeu com um vigoroso “Sim!” (Isaías 6:8). O profeta Jeremias respondeu com um hesitante “Mas…” (Jeremias 1:6). Jonas respondeu com um rebelde “Não!”
A desobediência de Jonas não era simplesmente um sinal de rebeldia, mas a expressão de um coração frio, que não batia em sintonia com o coração de Deus.
Deus ordena ao Seu povo, hoje, que leve o evangelho às nações que ainda não foram alcançadas pelo conhecimento de Deus. Como é que estamos a responder a esta ordem? Como Isaías, com fé e obediência? Como Jeremias, demasiado preocupado com as suas limitações e inconsciente da suficiência de Deus?
Ou como Jonas, com uma recusa absoluta?
A nossa resposta expressa, claramente, a verdadeira condição do nosso coração.

6 comentários:

Manela disse...

Às vezes até custa a abrir a boca para dizer SIM, sabendo que isso envolve um compromisso sério com Deus, e que essa afirmação vai ser de alguma forma cobrada. Parece que perdemos a capacidade de falar e ficamos a balbuciar entre o sim e o talvez. Acredito que no coração de cada crente, existe um verdadeiro desejo de se comprometer, mas a decisão vai sendo muitas vezes adiada por várias razões (desculpas para nos justificarmos a nós próprios). Só as boas intenções não chegam...envia-me SENHOR.

Luz disse...

Tenho uma dúvida, porque ordena? Porquê esta palavra?
Ordenar é mandar, mandar é muito autoritário... eu não imagino Jesus assim. Eu, que sou um ser imperfeito, pecadora, ao contrário de Deus, não aplico este verbo, ou seja, por exemplo, eu não mando o meu filho fazer, eu peço, até porque o pedido é na maioria das vezes mais bem atendido e eficaz do que a ordem.
Porque ele ordena?

Bjs

Luz

Anónimo disse...

Deus conhece tudo.
Aos Seus olhos somos totalmente transparentes, embora aos olhos dos homens possamos ser alvo de juízos, tantas vezes precipitados e errados...
Ele conhece as nossas vontades e as nossas hesistações, assim como os nossos medos e as nossas resoluções em estar, fazer, ir, avançar, falar, mas sobrutudo em SER! E este testemunho é o maior.

Sara Campos disse...

Que a nossa atitude possa ser "Sim, eu irei!" Que não nos movamos por sins tremidos, fruto de desculpas e medos, mas com sins de convicção daquilo que Ele por excelência É!
Tanta terra que ainda está por ser salgada..Quando é que o nosso coração está disposto a dizer sim?

alealb disse...

é...
ou será que variamos as respostas por conveniência??
muito bom teu post!
vou colocar tb o teu blog na minha lista de indicações, ok?
beijos,
alê

Lisá disse...

Amiga Luz,
Marcos 16:15 diz: “Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura.”
”Ide” é um imperativo. O termo imperativo tem, basicamente, o mesmo conteúdo de mandamento. Na gramática, imperativo é o modo verbal que indica uma ordem. Em ética, um imperativo é uma regra que deve ser seguida por todos os indivíduos. Juntando-lhe o adjectivo categórico, esclarece-se que é um mandamento, absoluto, dirigido a todos.
Aprendi que este versículo é uma ordem imperativa do Senhor Jesus e não um pedido.
Alguns querem separar Jesus do que ele diz e procuram uma relação com Ele sem prestar atenção à Sua palavra. Dependem de sentimentos, emoções e experiências. Mas, de facto, Jesus mora em nós somente até ao ponto em que a Sua palavra e os Seus ensinamentos permanecem em nós. "Se permanecerdes em mim e as minhas palavras permanecerem em vós..." (João 15:7).
O outro modo pelo qual Jesus permanece em nós é através dos Seus mandamentos: "Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; assim como também eu tenho guardado os mandamentos do meu Pai e no Seu amor permaneço" (João 15:10).
É magnífico reflectir no facto de o seguidor de Cristo poder gozar da mesma intimidade que Jesus goza com o Pai.
Outra bênção ligada aos mandamentos do Senhor é a plena alegria. "Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo" (João 15:11). Jesus conhecia a alegria de agradar a Deus e sabia que a nossa alegria depende da nossa obediência ao Pai.
A verdade é que o Senhor que nos criou sabe como funcionamos melhor e sabe que as nossas maiores alegrias virão quando obedecemos a Cristo de todo o coração.
Agora pensa comigo Luz: a nossa reacção a um pedido é aceitar ou não; a nossa reacção a uma ordem é obedecer ou não.
No entanto, Jesus trata-nos como amigos e não como escravos. "Vós sois meus amigos, se fazeis o que eu vos mando. Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho dado a conhecer" (João 15:14-15). Um senhor daria somente ordens a um escravo, mas Jesus, como o Senhor Amoroso, realmente partilhava o Seu coração com os Seus amigos, explicando os Seus planos e propósitos, dando-lhes discernimento do seu pensamento.
Muitos de nós, crentes, desobedecemos ao nosso Senhor por causa do que percebemos a respeito das nossas capacidades. Contudo, elas vêm depois da obediência. Quando Deus nos dá uma tarefa e nós obedecemos, Ele equipa-nos para a realizarmos.
Há muitas pessoas que querem ser amigas de Deus dentro de uma esfera muito limitada de obediência. Estamos prontos para fazermos tudo o que Ele ordenar?
A missão de Jesus, enquanto aqui na terra, é agora a nossa missão, desde que somos o Corpo de Cristo.
Jesus ordena mesmo que continuemos a Sua missão. Sabes porquê? Porque Ele ama, como ninguém, a Sua criação. Porque Ele é um Deus de Amor (não por ser autoritário [ainda que Deus tenha autoridade e todo o poder e domínio para mandar]), Ele deseja salvar os pecadores.
Esta missão é tão importante, que Jesus a repetiu cinco vezes, em cinco lugares diferentes e em cinco livros diferentes da Bíblia. É como se, de facto, Ele estivesse a dizer: "Quero mesmo que vocês façam isto!"
Estas palavras não são a “Grande Sugestão”. A nossa missão é mandatária, não é opcional, se somos parte da família de Deus. Deus deixou-nos uma responsabilidade a respeito dos não crentes. A Bíblia diz: "...vocês devem avisá-los para que vivam. Se vocês não falarem e não avisarem os ímpios dos seus maus caminhos, eles morrerão. Mas eu vou responsabilizar-vos pela morte deles".
Qualquer um de nós pode ser o único cristão que algumas pessoas vão conhecer durante toda a vida e a nossa missão é compartilhar Jesus com elas.
Embora seja uma profunda responsabilidade, é também uma honra incrível e um privilégio ser usados por Deus. Jesus assegura-nos a salvação, coloca-nos na Sua família, dá-nos o Seu Espírito e faz-nos Seus agentes no mundo.
Se um vizinho tem um tumor, ou SIDA, e nós conhecemos o remédio, seria um crime da nossa parte não revelar esse processo de cura. Pior ainda, é guardar segredo de como se obtém o perdão, a paz, o propósito e a vida eterna. Temos a notícia mais importante do mundo e compartilhá-la é o maior gesto de amabilidade que podemos mostrar a alguém.
Não importa quão felizes ou bem sucedidos os homens possam ser. Sem Cristo, eles não têm esperança, estão perdidos e estão a caminhar para a eterna separação de Deus. A Bíblia diz: "Jesus é o único caminho para a salvação das pessoas".
É mais importante que qualquer trabalho, realização ou objectivo que podemos alcançar aqui na terra. As consequências desta missão vão durar para sempre. Nada será tão importante para as pessoas como ajudá-las a estabelecer uma relação eterna com Deus.
É uma missão urgente!
Teremos uma eternidade para celebrar com aqueles que levamos a Jesus, mas temos apenas o nosso tempo de vida terrena para os alcançar.
A nossa missão começa no momento em que dizemos "sim" a Deus em obediência, fé e amor.
Por isso, Luz, podes continuar a imaginar Jesus como uma Pessoa Amorosa, mas melhor do que imaginá-lO É CONHECÊ-LO!!!
Conhecer Jesus foi o melhor que me aconteceu na vida!!!!!!!!!
Beijinhos com muito carinho.